Blogger templates

25 de ago de 2010

100 Anos de Adoniran Barbosa

6 de Agosto fez 100 anos que nasceu Adoniran Barbosa, um dos grandes gênios da música brasileira, do sambão paulista gostoso de ouvir, de clássicos como “Saudosa Maloca”, “Trem das Onze”, “Samba do Arnesto" e “Iracema”.
A primeira vez que ouvi uma música do João Rubinato (nome verdadeiro de Adoniran) eu era bem moleque, era Tiro ao Álvarocantado pela Elis Regina num desses especiais que passava na Globo e depois lembro que só ouvia suas músicas cantadas pelos  "Demônios da Garoa", conjunto que meus avós gostavam muito. Acho que ouço essas músicas na verdade por causa deles. Sempre me traz saudades dos velhinhos...
Adoniram morreu no dia 23 de novembro de 1982 e reza a lenda que ele nasceu aqui em Valinhos, na antiga Fazenda Capuava. O mesmo lugarejo que já abrigou outro artista de nome, Flávio de Carvalho!

O fato é que ele nunca se pronunciou sobre isso, a não ser, se não me engano, num programa da TV Cultura. Mas fica claro que ele não curtia muito falar sobre isso.Valinhos tem mania até hoje de destratar seus artistas, só dando oportunidade pra quem é de família conhecida ou amigo de político. Vai ver que sempre foi "anssim" e por isso João Rubinato, nunca fez questão de falar sobre suas raízes. 

E por falar em raízes, na edição do dia 6 de agosto, o jornal "Diário do Comércio" publicou uma história em quadrinhos contando a trajetória de Adoniran Barbosa. A HQ, que ocupava toda a capa do caderno de cultura, agora está disponível para leitura on-line.
A narrativa foi criada pelo editor e quadrinhista Franco de Rosa e arte-finalizada por Antonio Lima em homenagem aos 100 anos do músico.Para ler a história, clique aqui. Eu, aproveitando a oportunidade, fiz uma caricatoon do velho Rubinato com a letra de "Provérbios" ao fundo! 
Espero que a galera da "velha-guarda" curta! 
Abraço!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentaê

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...