Blogger templates

30 de jun de 2009

Rascunhos e Arte-Final: Escalador

Opa! Mais um da série "Rascunhos e Arte-Final"!
Dessa vez é o meu personagem, Escalador.
Eu estou começando a HQ dele nesse mês de Julho e finalizo esse desenho antes do dia 15.
Vou postar uma parte, com a arte-final e logo após, finalizado, com cores e etc.
Você pode ver mais sobre ele aqui e aqui. E um desenho já finalizado aqui no meu DeviantArt.
Comentem e dêem sugestões.

28 de jun de 2009

Dwarf

Conforme eu informei aqui, na seção "Rascunhos e Arte-Final", agora é a vez do desenho finalizado.
Demorou algumas horas colorindo e colocando a imagem de fundo, mas compensou o cansaço, em pleno Domingo, porque achei que ficou acima do esperado.
Você pode conferir esse e outros desenhos no Deviantart também.
E pode comentar também o que achou do anão guerreiro aí.
Valeu!

Reblog this post [with Zemanta]

27 de jun de 2009

Michael Jackson na Turma do Penadinho

Isso não é piada de mau gosto não...

Os estúdios Mauricio de Souza irão homenagear o "rei do pop" Michael Jackson.
A história que tem o roteiro de Paulo Back, mostrará a Turma do Penadinho à espera do astro.

Mauricio de Sousa gostou tanto do trabalho que nos presenteou, através de seu Twitter, com esboços da história em quadrinhos que presta essa homenagem ao cantor, morto na quinta-feira, vítima de um ataque cardíaco.
A história de dez páginas sairá na revista da Mônica # 33, em setembro. Segundo o autor, entre a criação de um roteiro e sua finalizaçao corre, no mínimo, um período de 3 meses, por isso a prévia pela internet.
Veja aqui o esboço do roteiro: 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9 e 10.
Reblog this post [with Zemanta]

25 de jun de 2009

Michael Não Morreu...

Ele apenas voltou pro seu planeta!
Ou não...


Falando sério... não imaginava ver isso tão cedo assim. Caraca!

Uma curiosidade...
Essa é a primeira tira feita inteiramente no minha Pen Tablet Bamboo.
A tira também está no
Tiras Nacionais!

In English:

23 de jun de 2009

Rascunhos e Arte-Final: Dwarf

Hoje tô estreando uma nova seção aqui no blog. É a "Rascunhos e Arte-Final".
Vou tentar, toda semana, postar uma ilustração minha que esteja na fase inicial, ou seja, no rascunho e/ou já na arte-final.
A intenção é, além de mostrar pra galera que curte desenho ou aqueles que também desenham, algo do tipo convention sketches muito comuns nos EUA, e praqueles que estão começando a desenhar, as fases que o desenho passa antes de se inserir as cores, tratamento de imagem, em certos casos a colocação de cenário, a arte-final propriamente dita em rascunhos ou sketches, enfim, pra galera "perceber" o desenho em preto e branco.
Espero que vocês curtam essa seção e dêem sua opinião.
Depois, o desenho, agora colorido, entra no blog e também lá do DeviantArt.
É isso aí.

22 de jun de 2009

Subversos #4

Olá! Mais uma vez meu trampo foi selecionado pra compor a revista Subversos.
A HQ é aquela mesmo que eu falei antes. Arte Subterrânea, conta um pouco da arte do grafiteiro Zezão.
Aliás, o próprio
Zezão já tá sabendo da parada e disse que curtiu bastante a HQ!
Só tô esperando uma alma caridosa que me faça o favor de traduzí-la para o inglês. Essa eu tô querendo que passe a fronteira!

Segundo os editores, para a 4ª edição, foram recebidas 174 páginas de HQ! Sem contar as tiras e as HQ arquivadas das edições anteriores.

E como essa será a edição comemorativa de um ano da revista, ela volta a ter 60 páginas.

Dessa vez, foram selecionados 22 autores. E o intuito dela, além da qualidade das Hqs, é ter uma revista com técnicas, estilos e abordagens variadas. A divulgação dos selecionados, pela ordem que aparecerão na revista, é essa:

João Pinheiro – ilustração
Alexandre ManoelMemórias de um quadrinista bêbado
Vinicius Visentini Arte Subterrânea
Fábio SantosAquilo que prejudica o país
Eric RicardoNo meio da rua
Cleuber CristianoArroz Integral
Alex Mir & Márcio Luiz O garoto invisível
Lorena KazEm busca do cara ideal num mundo nem tanto
Leandro MeliteCheiro de leite, cheiro de café
Cláudia Carezzato & Bira Dantas – Espécies evoluem
Joseph Paiva - ...que trata sobre conversas...
Denilson AlbanoMinha carreira frustrada
César SilvaFritz
Karina Nishioka & Diego Castillo & Freddy Leal1º dia dos namorados
Akira Sanoki – [HQ ainda sem título]
Igor Shin – [HQ ainda sem título]
Gazy Andraus & Jorge Del BiancoOs homens armados de paz

É isso aí! Fiquem ligados no lançamento!



21 de jun de 2009

Super Obama

Try JibJab Sendables® eCards today!

Sem dúvida Barack Obama é um dos presidentes mais "cool" da história dos EUA. E é por isso que ele é tão citado, parodiado, mencionado, desenhado, rascunhado, agradado, atacado, etc.
O cara tá na crista da mídia! Ainda mais depois de se declarar um nerd. Aí ferrou pro cara!

O site JibJab, famoso por parodiar figuras políticas americanas através de vídeos virais e animações, acabou fazendo uma dessas "homenagens" ao presidente. Obama protagoniza essa bela animação como se fosse um super-herói que pode tanto resolver os conflitos no Oriente Médio quanto acabar com a recessão da economia americana!

Achei a animação muito massa! A música também.
Acabei me lembrando do Obama que fiz para a HQ do Val!

Reblog this post [with Zemanta]

19 de jun de 2009

Para ler: Retalhos

Fantástico é pouco pra descrever esse livro.
Realmente fiquei impressionado com "Retalhos" de Graig Thompson. Não só pela narrativa e pelos belíssimos desenhos, mas pela sinceridade da obra! O autor retrata sua própria história, da infância, onde tinha que dividir a cama com o irmão mais novo até o início da vida adulta, onde conta sobre seu primeiro relacionamento amoroso.
O cenário é uma gelada cidadezinha de Wisconsin assolada pela neve de um rigoroso inverno. Seu crescimento ainda é marcado pelo temor à Deus, transmitido por seus pais cristãos, seu colégio, o pastor de sua igreja e as trágicas passagens bíblicas que lê.
Tudo isso se interpõe contra seus desejos, como o de se expressar através do desenho, onde, segundo seus "educadores", era "coisa do demônio".
A história tem vários pontos interessantes como religião, espiritualidade, neuras pessoais, relacionamento familiar e social e o que me chamou bastante a atenção, como nisso tudo se encaixou uma história de amor sem ter ficado piegas, melosa ou qualquer outra coisa assim.

Apesar das quase 600 páginas, a HQ que é livro, não enjoa nem cansa.
Os desenhos em alguns quadros e numa vista rápida, pode te levar a pensar que são borrões a esmo e que não tem nada de espetacular, mas muito se engana quem pensar isso! Os desenhos são de um detalhismo à parte. Desde as referências, como as bandas dos anos 90 em posteres ou em camisetas, até no cenário em si, com construções, ambientes internos da casa e até reflexos nos carros. Tudo desenhado com rachuras e pinceladas de nanquim que conseguem te tirar emoções, pois traduzem toda a angústia ou sentimento dos personagens...
Logo na primeira parte, quando seu irmãozinho é trancado pelo pai num quartinho empoeirado e escuro, já dá uma noção do que esperar quanto a emoções no decorrer do livro.

Essa fase dos irmãos quando crianças é uma das coisas mais tocantes e belas do livro.
Os desenhos conseguiram passar bem seus dramas, principalmente os de Graig, que era mais um desses guris que sofrem de "booling" na escola (que nerd não sofreu na escola?) e que questiona seu papel de irmão mais velho e protetor. Essas coisas fazem com que você imediatamente crie um vínculo afetivo com esses personagens.
Talvez até por ter tido também problemas de relacionamento com meu irmão quando criança, sei lá...

Me identifiquei muito com a história, e o que me chamou mais a atenção na compra desse livro foi o tema dele. Pensei comigo: "O cara também é desenhista e questiona todo esse lance de religião e espiritualidade, e o que tudo isso influencia nos nossos relacionamentos externos. Taí uma coisa que pode me ajudar a entender esse mundo!".
A HQ é recomendadíssima pra esses adolescentes que estão nessa fase "Crepúsculo" da vida. Pra eles entenderem que existe sim maneiras mais inteligentes de se contar a história de um relacionamento amoroso.
Aliás, um fato curioso é que a personagem Raina, às vezes, é desenhada de uma maneira que parece se destacar de todo cenário da história. Pelo menos, foi essa a impressão que me passou.

Uma das HQs mais premiadas de todos os tempos, com três prêmios Harvey, dois Eisner (o Oscar dos quadrinhos) e outro da Associação Francesa de Críticos e Jornalistas de Quadrinhos, “Retalhos” foi lançado lá fora em 2003, é um romance autobiográfico, que fala sobre seu crescimento num lar extremamente religioso, a descoberta do primeiro amor ainda na adolescência, sobre escolher caminhos a seguir, e como isso pode ser atrapalhado se confrontado com os ensinamentos da Bíblia. Ainda mais quando assombrado por visões religiosas.
Vale a pena também dar uma olhada no blog do autor que atualmente está fazendo "Habibi", uma obra em que ele vem trabalhando há cinco anos, e que fala sobre o mundo árabe. Thompson também já lançou um livro-HQ com registros de sete meses de andanças pela Europa e pelo norte da África em 2004, chamado "Carnet de Voyage".
É isso aí. Se fosse você não perdia a oportunidade em ler essa obra em quadrinhos!


"De que importa ganhar o mundo se eu perder a minha alma?" - Graig Thompson

18 de jun de 2009

Second Skin

Olha só que interessante... Estava eu fuçando no site Lost.art, um dos melhores sites sobre fotos e imagens, e me deparei com essas graciosidades! Saca só!

O nome do projeto é 2ND Skin e traz artistas do desenho, grafitti, tatoos, quadrinhos e/ou artes plásticas para fazer arte, no bom sentido, na mulherada! O objetivo é transformar a pele dessas lindas modelos, clicadas pela fotógrafa Louise Chin, em suporte para belas intervenções de 33 artistas convidados, entre eles Os Gêmeos (grandes grafiteiros de Sampa), os gêmeos Fábio Moon e Gabriel Bá, Grampá e o grande Zezão (aquele que eu fiz a HQ, lembram?), que se expressaram da maneira que quiseram, "vestindo" essas mulheres com sua arte.


Achei a idéia muito boa e o resultado melhor ainda.
Tô destacando os que mais curti aqui no blog.

Confira mais no site Lost.art.br!
Reblog this post [with Zemanta]

17 de jun de 2009

Maurício de Souza por 50!

Segundo notícias veiculadas no começo desse mês em alguns sites especializados em quadrinhos e jornais de grande circulação de São Paulo, o desenhista e empresário Mauricio de Souza será homenageado por cinquenta quadrinhistas através de um álbum a ser lançado na Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, em Setembro. Isso em comemoração ao seu cinquentenário na carreira de desenhista.

O álbum irá se chamar MSP 50. Os quadrinistas farão, no seu próprio estilo, histórias dos personagens de Mauricio. E o time de convidados tem grandes nomes de peso da nona arte como Laerte, Ziraldo, Fernando Gonsales (Oba!), Renato Guedes, Fabio Yabu, Spacca, Ivan Reis, Gabriel Bá e Fábio Moon. Vou querer muito ver isso!!!
Não só pelo Laerte e o grande Spacca, mas pelo meu ídolo Fernando Go
nsales! Além do "velha-guarda" Ziraldo, que nunca imaginei que faria algo assim, temos os gêmeos que não iam mesmo ficar de fora, ainda mais agora com toda mídia que eles vêm atraindo.
Outros artistas encabeçam a lista como os "independentes" e criativos Bennet e Jean Okada. Temos também compondo o álbum Samuel Casal, Fido Nesti, Vinícius Mitchell, Mascaro, José Aguiar, Laudo, Júlia Bax, Jean Galvão, Orlandelli, Marcelo Campos, Otoniel Oliveira, Raphael Salimena, Vitor Cafaggi entre outros.

O álbum, que será publicado pela Panini Comics, ainda não tem número de páginas ou preço definidos.

Além desse álbum, o autor da Turma da Mônica, ganhará uma mostra contando sua trajetória, além de esculturas de seus personagens e diversos cenários. Provavelmente esse ano, ainda rolem muito mais coisas em homenagem ao artista.

Eu, desejo muita saúde e criatividade para esse grande artista brasileiro, pois sucesso e talento ele tem de sobra!
Vou aproveitar as comemorações e postar um desenho que originalmente fiz em 2002, e refiz hoje, também em homenagem à ele.
Parabéns Mauricio de Souza!

*Uma curiosidade, é que eu cheguei a mandar esse desenho de 2002 para ele. Na época, recebi uma resposta por carta da Alice (acho que mulher dele) dizendo que tinha que treinar mais o traço da turma se quizesse fazer testes para o estúdio. Mas puxa! Eu só mandei o desenho pra que ele guardasse de lembrança e, se quizesse, avaliasse se eu estava desenhando bem... e só!
Eu nunca iria conseguir trampar lá! Isso eu já sabia.
O curioso é que eu nunca consegui copiar a Turma da Mônica, assim como ela é. Isso é uma grande frustação para um desenhista! =)
Mas já ouvi dizer que quem faz os testes lá, têm que desenhar a Mônica 300 vezes! Ufa!
Reblog this post [with Zemanta]

13 de jun de 2009

Uma Pequena Homenagem ao Pequeno Parker

Ultimamente a internet vem nos brindando com artistas fantásticos! E quando eles aparecem, nada mais justo do que propagar essas boas idéias pra mais e mais pessoas.
Acho que eu fui um dos primeiros a fazer matéria sobre esse personagem, conforme você pode conferir aqui, mas agora ele tomou uma dimensão bem maior na rede.
Se dependesse de editores ou editoras estávamos lascados!
Foram feitas várias matérias em canais muitíssimo mais badalados do que esse simples blog desse cara que vos escreve. Nada mais justo!
Puny Parker está se consagrando com um dos maiores sucessos na internet, em se tratando de tiras de humor.
Apesar do "padrinho" ser forte, o que conta aí é o talento em contar as histórias. Não há como tirar o mérito do tirinista Vitor Cafaggi, apesar de trabalhar com um personagem tão famoso, com uma imagem tão forte, como o Homem-Aranha, ele usa de sua memória de fã para lembrar de momentos chaves na vida do Teioso para moldar a vida do pequeno Parker nas tirinhas.
É exatamente isso que agrada nas tiras. Principalmente para os grandes fãs do Aranha, cansados de ler tanta porcaria ultimamente.

Ficamos aqui na torcida para que o cara tenha sucesso e a Marvel produza essas tiras em suas revistas!
Eu, humildemente, como fã confesso do Puny, bolei essa tirinha que estou postando.
Espero que vocês gostem. Todos os fãs do Aranha assim como eu e principalmente o Vitor, espero que entenda a homenagem!

- Tentei não fazer o uniforme do pequeno Parker tão igual ao do Homem Aranha, já que ele ainda não sabe que vai se tornar o herói escalador. Apenas uma idéia que provavelmente ficou no subconsciente dele;
- Note que a capa parece uma teia. A idéia foi fazer uma "homenagem" aquela teiazinha que ficava no sovaco do uniforme do Aranha;
- Ladrões de banco e meliantes em geral, fazem parte da história do personagem, é por isso que o "metralinha" taí;
- Ele se encontra com seu grande ídolo, o
Capitão América e com o Tocha Humana que participará muito de sua vida de herói. Os dois chegaram até a dividir o título de uma revista nos anos 70 (Marvel Team Up). O Aranha já tentou entrar para o Quarteto Fantástico já no primeiro número de sua própria revista, mas foi rejeitado por querer ganhar um alto salário deles.
- A musiquinha que ele cantarola é aquela mesmo: "
Spiderman, spiderman..";
- A famosa cena do beijo do primeiro filme.


Reblog this post [with Zemanta]

TUITER?

É, galera... O que parecia improvável aconteceu...
Agora o Submundo Mamão está no Twitter!
Digo, improvável porque ainda acho que esse lance de Twitter é meio modinha.

Pra quem não sabe (e ainda existe gente que não sabe?) o Twitter é uma rede social, assim como o Orkut, que permite aos usuários que enviem e leiam atualizações pessoais de outros contatos, em textos de até 140 caracteres, conhecidos como "tweets", através da própria rede ou por SMS.
As atualizações são exibidas no perfil do usuário em tempo real e também enviadas a outros usuários que tenham assinado para recebê-las. Desde sua criação em 2006 por Jack Dorsey, o Twitter ganhou extensa notabilidade e popularidade por todo mundo.
Estimasse que o Twitter tenha de 4 a 5 milhões de usuários, mas o Facebook ainda continua em primeiro lugar, seguido do MySpace.

Eu entrei nessa, depois de um conselho (ainda não sei se sábio) do meu amigo Robson Viturino (não é nem o pastor, nem o cara que tomou um tiro na cabeça saindo de um baile de Carnaval). Ele afirma que seria bom para divulgação do meu trabalho. Bom, isso é o que veremos. E espero, sinceramente, que ele esteja certo!!!

Portanto, caso você participe do Twitter, faça como o Chapolin e... vocês sabem.
http://twitter.com/submundomamao

10 de jun de 2009

OI - Investindo em Artistas Independentes

Telemar Norte Leste S.A. Tele Norte Leste Part...Image via Wikipedia


Pra quem acompanha a "cena" nacional de
quadrinhos independentes, já deve estar sabendo que a Operadora Oi está investindo nessa área!

A
Oi organizou num site especial a publicação de HQs inéditas de super-heróis, criadas com exclusividade para a operadora de telefonia móvel e disponibilizadas gratuitamente para leitura online. Isso é muito bom, porque conforme for, se o projeto der certo (e tem que dar) mais artistas, sejam eles novos ou experientes, podem ter a chance de produzir HQs bancadas pela Oi.

É uma grande oportunidade também de se firmar o mercado de webcomics no Brasil.

O projeto Oi Quadrinhos, que hoje conta com o patrocínio da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro, estreou ano passado com a HQ A Corporação dos produtores do projeto, Alvaro Campos (roteirista do programa de TV Básico, do canal Multishow) e Fernando Azevedo (roteirista do Canal Brasil), ambos da Vilania Comics, com desenhos de Jean Diaz, Luciano Feijão e Arabson Oliveira, que são artistas que já fizeram trabalhos para a DC Comics entre outras editoras norte-americanas.
O projeto, agora retorna com 24 histórias exclusivas, produzidas por autores e desenhistas diversos como André Dahmer (Os Malvados), Julio Shimamoto (Samurai, Metal Pesado), Jean Dias (Highlander e Red Sonja), Fernando Caruso (Zorra Total e Zé – Zenas Emprovisadas), Bento Ribeiro (Furo MTV) e o cineasta Matheus Souza.

Será lançada uma nova HQ por mês, de junho a dezembro. Além dessa produção exclusiva na área de quadrinhos, existe uma seção dedicada a autores independentes, para que eles possam promover seus trabalhos.
E é da área de ilustrações independentes que eu estou aqui pra falar também.
Hoje foi postado dois desenhos meus por lá. O motoqueiro Profeta das Estradas e o Spock (Sylar) do novo Star Trek.

Taí uma boa dica pra quem desenha, que pode aproveitar a audiência do portal e divulguar sua Arte, HQ ou ilustração, além do site ou blog se tiver.
Clicando aqui dá pra ver as ilustrações.

As HQs independentes Fausto Delfim (Roteiro de Guilherme de Sousa e Arte de Daniel Dias), o episódio piloto de "Octeto", Ação de Reação (Roteiro de Marcelo Santarém da Silva e Arte de Allan Alex) e O Investigador, uma HQ online que terá uma página por semana (Roteiro de Carlos Felipe Figueiras e Arte de Rodrigo Martins) já podem ser lidas no site. Além de uma de Charges e Tiras do autor J. Belo Jr. Então, se você tem um OI, basta enviar uma mensagem de texto com a palavra “Quadrinhos” para o número 880, com um custo de R$0,99.

Quer saber mais, clique aqui.




Reblog this post [with Zemanta]

7 de jun de 2009

O Exterminador do futuro: A salvação

No início, duas coisas me mantinham afastado do cinema para ver esse filme:
A primeira era o fato de se fazer mais um filme do Exterminador do Futuro, logo depois do fiasco que foi o de 2003. Os produtores de Hollywood, ainda estão na febre dos retcons, querendo fazer mais e mais filmes das antigas. Puta falta de criatividade.
A outra, era a direção do filme... McG, que fez a "pérola" As Panteras.
Logo depois descobri que o roteiro era de responsabilidade de dois caras que também fizeram o roteiro do3° filme da série, além de ter feito aquela caca da Mulher-Gato!!!! Cara, era pra desistir aí.
Mas como sou brasileiro e não desisto nunca...

Até citei aqui que me manteria longe do filme, mas depois que assisti ao trailer, durante uma sessão do filme "Anjos e Demônios", não resisti e fui conferir.
E não me arrependi! O filme é bem louco!
Muita ação e cenas que ficam na cabeça depois de sair da sessão.

A grande primeira cena é a do helicóptero, logo no início do filme. Os takes ficaram fantásticos. Outra bem nervosa, é a da perseguição das motos-exterminadoras. Cara, aquilo ficou muito bom!

As máquinas foram muito bem desenhadas, principalmente os "mechas". O som que eles emitem era algo bem assustador, justamente para entrar nesse clima apocalíptico que o filme pedia.
Aliás, os efeitos sonoros, assim como os visuais, estão muito bons. Som e imagem casaram bem em muitas partes do filme.
Talvez, alguém reclame da CG de uma parte específica no filme, onde uma aparição "surpresa" rola, mas sinceramente acho que aí seria forçar demais. Se for pra reclamar do efeito "bonecão" do personagem, então teremos que detonar metade dos personagens em Star Wars!

O filme teve lá suas falhas, como personagens mal-aproveitados, mas o que me incomodou mesmo foi a "mascotinha" que arranjaram pra ele.
Star é uma menina que não fala e participa de quase todas as cenas em que Kyle Reese está. Fiquei esperando pra saber qual era a dela no filme, afinal de contas, e me surpreendi quando descobri que ela não faz a mínima falta nele. A velha mania de colocar elementos infantis em filmes de ação.
Outra parte que me incomodou foi o fato da comunicação via rádio entre os rebeldes ser tranquila e da segurança que eles tinham ao usar quinquilharias tecnológicas que possuiam.
Quer dizer então que a toda-poderosa Skynet não era tão fodona assim?

Com um orçamento estimado em US$ 200 milhões, a franquia retornou bastante mudada. Além da presença de Christian Bale, o “Batman”, que faz o protagonista John Connor, líder da resistência na batalha entre máquinas e humanos e da saída de Arnold Schwarzenegger, que fez fama no papel do andróide e nem quis saber de fazer sequer uma "ponta", o filme conta com clima bem pós-apocalíptico, num tom acinzentado, com maquinária à la Matrix, efeitos especiais e cenas de ação de cair o queixo, assim como em Transformers e o som e fotografia que impressionam.

A boa surpresa no filme é Marcus Wright, muito bem interpretado por Sam Worthington, um presidiário que estava no corredor da morte e oferece seu corpo a ciência. Ele "acorda" em outra época e em outro lugar e acaba descobrindo que é muito mais do que um simples humano.

Uma coisa engraçada que rolou no cinema, foi que fiquei quase o filme todo tentando lembrar com quem a mulher do Connor, com aqueles olhos fantásticos se parecia e quase no final lembrei que era a atriz Bryce Dallas-Howard, que fez a Gwen Stacy em Homem-Aranha 3.

Outra coisa que me empolgou, foi a trilha sonora.
Ouvir "Rooster" do Alice in Chains e "You could be mine" do Guns foi duca! Me levaram a pensar nas coisas boas dos anos 90!
E por falar nessa música, rolaram várias homenagens aos filmes anteriores. Frases de efeito que mais ficaram parecendo clichézões, mas não prejudicaram em nada o filme.
"I'll be back", desta vez dita por John Connor, não poderia ficar de fora dessa!

Bom, é isso. Nunca fui um fã fervoroso do Exterminador.
Gostei do 1° filme, curti bastante o 2°, não aguentei assistir o 3° até o final (por duas vezes) e achei que esse 4° foi bem feito e superou todas as minhas expectativas, que eram poucas em relação à esse filme. Além de cumprir seu papel, que era me divertir...
Então, mesmo com alguns furos bobos no roteiro, acho que ele merece uma:

Nota.08
Reblog this post [with Zemanta]

6 de jun de 2009

Tiras de um Futuro Incerto

Há pouco tempo atrás, um estreante no blog Tiras Nacionais publicou um trabalho que me chamou muito a atenção. O tirinista de Franca/SP, Filipe Acosta de apenas 17 anos, faz tiras com um diferencial... bem original, diga-se de passagem.
São as primeiras tiras que vi (que eu me lembre) que se mexem!!! (ou será que eu é que tava bêbado?)
Sensacional!

Segundo Filipe, que conversou comigo por e-mail, a idéia era essa mesmo, usar imagens em movimento para chamar mais atenção do que as estáticas... Ele diz que seu forte não é o texto, por isso decidiu apostar no aspecto visual!
Bom, eu achei bem legais o roteiro de algumas tiras.
Te convido então a tirar suas próprias conclusões e conhecer o Futuro Incerto, as tiras que falam de robôs, tecnologia, Jaspion, Robocop, Exterminadores e Karl Marx!!! Além de se mexerem também!

Dá uma olhada nessas aqui:



fi-topo






fi-base

_______________________________


fi-topo
fi-11_01
fi-11_02
fi-11_03
fi-11_04
fi-11_05
fi-11_06
fi-11_07
fi-11_08
fi-11_09
fi-11_10
fi-base
Reblog this post [with Zemanta]

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...