Blogger templates

10 de jun de 2008

Sonhar é melhor...


Concretizar o sonho então, é melhor ainda!
Desde pequeno, pequeno mesmo, eu faço histórias em quadrinhos.
Apesar de não ter certeza, precisamente, de quando ela foi feita (provavelmente entre 7 ou 8 anos), ainda tenho guardada a minha primeira "historinha" (como eu costumava chamar), que foi feita num desses bloquinhos de rascunhos, que geralmente as pessoas tem ao lado do telefone... sempre “tomava” um emprestado pra mim.
Essa história de pouco mais de 7 páginas era sobre aquele desenho, Dartagnan e os Três Mosqueteiros, que passava na extinta Rede Manchete, nos saudosos anos 80! Para cada quadro eu usava apenas uma folha, de maneira que ficasse em seqüência a história.
Fiz muitas depois dessa, mas por inconseqüência, acabei jogando muitos desenhos dessa época no lixo.

Continuei desenhando pin-ups e estudando desenho como auto-ditada, ainda mais quando comecei a ficar muito fã dos quadrinhos da Marvel e DC.
Retomei o gosto por fazer quadrinhos de novo com uns 15 pra 16 anos, quando já tinha lido de tudo, de livros de FC à terror, dos famigerados livros da coleção vagalume, de Ziraldo à Mauricio de Souza... Mas foi quando conheci os Skrotinhos de Angeli, os Piratas do Tiête de Laerte e Níquel Naúsea e Vostradeis de Fernando Gonsales, que decidi o que queria fazer em quadrinhos...

Que eu me lembre Os Sport´s foram meus primeiros personagens "regulares". Eu fiz várias histórias com esses personagens!
Eram crianças, entrando para a adolescência, que curtiam aventuras, quase sempre com os temas sendo relacionados à esportes. Pra saber um pouquinho mais sobre parte dessa turma você pode fazer o download da webcomic, "The Scabies".
O tom cômico e de escárnio ficava por conta de Miguelito, ô menino bonito, uma paródia que fazia chupinhando totalmente o traço de Gonzáles, homenageando um amigo de escola e das várias páginas de Super Mongo Bros. que era uma paródia ao estilo “videogame” de Mário Bros. onde todos os alunos da minha classe da 8ª série participavam.
Qualquer dia eu posto isso aqui.

Comecei a pegar mais para o lado de super-heróis quando fiz a história das "Taturanas Ninjas".
Peguei alguns personagens dos Sport´s e os transformei em heróis, baseado lógico, no sucesso da época que eram as Tartarugas Ninjas. Cheguei a comentar isso aqui.
Depois vieram Os 4 Fanáticos e Os Vigilanteadores, ou algo do tipo, sinceramente não me recordo agora dos nomes (sério, tenho problemas com nomes) também usando personagens dessa turma e parodiando heróis conhecidos.
Sempre curti fazer essa linha.
Tenho problemas de levar heróis a sério, apesar de gostar bastante. =)

Vai ver que é por isso que identifiquei tanto com o Homem Grilo!

Bom, o fato é que o tempo foi passando e com uns 16, 17 anos resolvi procurar alguns editores para poder publicar meu trampo. Vivia mandando desenho para as redações de jornal e revistas (como ainda faço de tempos em tempos), mas acabei me decepcionando um tanto nessa época.
Alguns editores, que ocasionalmente viam meu trabalho, até acabavam ajudando e dando alguns toques legais sobre estudar mais anatomia e tal, mas outros, só diziam que meu trabalho não era bom e ponto, sem acrescentar mais nada. Até parecia que faziam questão de me fazer sentir que o que eu estava apresentando era apenas puro lixo impublicável.

Sinceramente agradeço por todos esses “nãos” que acabei ouvindo, pois percebi mais tarde, que realmente o material que estava apresentando estava todo errado (mas não chegava a ser lixo), e passei a me dedicar ainda mais aos estudos de anatomia (ainda estou em treinamento), perspectiva, sombreamento, iluminação, etc. Bom, pra encurtar a história, passei a me dedicar aquilo que me dava prazer em fazer, ainda mais depois de descobrir finalmente meu traço! Comecei então a dividir essas experiências pela internet, através desse blog.

Tinha achado meu caminho! Meu e de um zilhão de artistas que cansaram de procurar editoras. As webcomics!
Acabei contanto um pouco da minha história até aqui, apenas para ilustrar esse próximo passo importante da minha carreira, que é minha primeira HQ publicada!
Sim, numa revista!

Estou contente em fazer parte de um movimento de artistas que querem mostrar seu trabalho, independente se isso vai trazer benefícios financeiros a curto prazo.
E nessa leva estou trazendo um cara que sempre duvidou de seu potencial para escrever. Espero que ele continue depois dessa!

Tínhamos um projeto a um bom tempo atrás, que era mais uma experiência maluca, de fazer uma HQ, onde ele escreveria e eu e mais 2 desenhistas amigos revezaríamos na arte. A idéia era eu fazer os personagens, o outro fazer as paisagens e veículos e o terceiro a arte-final adicionada a uns rabiscos. A história era de Ficção Científica em um futuro caótico. Clichê? Éramos aficcionados na revista Heavy Metal na época. Tudo culpa dos Meta-Barões!!!
Mas a gente cresceu, e enfim, estamos aí com um trampo de qualidade, vocês vão ver.
E é isso, acho que nunca me extendi tanto num post.
Tô até preocupado, pois não curto me prolongar tanto num texto. Sou daquelas pessoas que não curtem ficar lendo parágrafos e parágrafos de blá, blá, blás em blogs, mas sinceramente precisava passar essa linha do tempo nesse blog.
Espero que vocês leitores me perdoem!
No post abaixo, tem todas as informações sobre o projeto!
Valeu!


PS. Não deixem de ler o material, tem muita coisa boa!

2 comentários:

  1. perdoar cara?? que nada, muita gente se identifica com sua história de vida, pois passamos pelos mesmos perrengues (em outras área é claro, pois sou um semi-analfabeto em matéria de desenho), mas o legal é saber que você traça um ideal e manter a preseverança...

    continuemos assim!

    um abraço

    ResponderExcluir
  2. Com certeza, cara!
    Sempre perseverante!
    Valeu pelo comentário e pela visita!

    ResponderExcluir

Comentaê

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...